Quem disse que o Halloween não pode ser saudável?

Vamos manter o espírito do Halloween? Depois de uma semana em que, na escola, os nossos miúdos andaram entretidos com as abóboras e as fantasias alusivas ao Dia das Bruxas, porque não assinalarmos também este evento ao longo deste fim de semana?

No sábado, antes das crianças irem bater à porta dos vizinhos com o já conhecido “doçura ou travessura”, preparem em conjunto um lanche do Halloween especial (e saudável). Deixamos aqui algumas sugestões:

Sanduíches múmia

Opção 1 – Utilize uma fatia de pão ou tosta integral e espalhe por cima creme de queijo (coloque o queijo num saquinho de plástico e corte a ponta para poder dar o efeito da imagem). Depois coloque frutas frescas para os olhinhos (neste caso optamos por umas rodelinhas de cenoura crua).

sanduíche mumia

Opção 2 – Numa fatia de pão integral, barre com molho de tomate e por cima coloque tiras de queijo. Os olhos da múmia podem ser rodelas de azeitona ou outro vegetal à escolha. Pode ir ao forno ou ser comida assim.

Sanduíche mumia

Sanduíche bruxa

Neste caso, opte por 2 tipos de pão (branco e escuro), fatias de maçã e cenoura (ou outras frutas e legumes que possam ser consumidos crus) para dar o efeito da imagem. Para o recheio, sugerimos queijo, peito/fiambre de peru ou frango ou outros recheios saudáveis.

Sanduíche bruxa

Banana fantasma

Muito simples estes fantasminhas: corte as bananas em 2 partes e com pequenas bolinhas de chocolate “pinte” os olhinhos e a boca.

Bananas fantasma

Teste os hábitos dos mais novos

No domingo, certamente depois de alguns desvios de uma alimentação saudável da noite anterior, desafiem a pequenada a responder ao pequeno teste “Tenho hábitos alimentares e estilo de vida saudáveis’”.

Ficha de atividade – Teste os hábitos dos mais novos

Teste os hábitos dos mais novos

Esta será uma forma divertida de passar o fim de semana, procurando que os mais novos percebam que, por exemplo, na hora de escolhermos os alimentos devemos ser equilibrados, quer nas quantidades, quer nas opções.

Divirtam-se!

Anúncios

Estufado de grão com legumes e ovos – Chef Hernâni Ermida

No blogue Dente de Leão, vamos sugerir receitas que cumpram as regras básicas da cozinha mediterrânica. Em artigos futuros, vamos indicar mais detalhes desta dieta, em que o ponto chave está sobretudo na moderação e no aproveitamento dos recursos naturais de cada localidade.

Experimentem esta receita saborosa recheada de ingredientes frescos e típicos de Portugal sugerida pelo Chef Hernâni Ermida!

INGREDIENTES (receita para 5 pessoas)

  • 700g de grão cozido
  • 1 Cebola
  • 3 Dentes de alho
  • 1 Cenoura descascada (150g)
  • 2 Beringelas (500g)
  • 1 Curgete (300g)
  • 150g de raminhos de brócolos
  • 4 Tomates maduros (500g)
  • 5 c .s de azeite
  • 1 Raminho de tomilho
  • 1 c .de chá de cominhos em pó
  • 5 Ovos muito frescos
  • 3 c.s de vinagre de vinho branco
  • Sal

1 – Descascar 1 cebola, 3 dentes de alho e 1 cenoura. Picar a cebola e os alhos e cortar a cenoura em rodelas finas.

2 – Levar ao lume um tacho com azeite e juntar a cebola, os alhos e a cenoura. Deixar cozinhar até a cebola ficar macia.

 3 – Lavar 2 beringelas e cortar em cubos. Juntar num tacho, juntamente com tomate lavado e cortado em gomos. misturar, juntar o tomilho, tapar e deixar cozinhar em lume brando durante 10 minutos.

4 – Lavar 1 curgete e corta-la em meias luas. Lavar também um ramo de brócolos e deixa escorrer. Juntar num tacho 700 g de grão cozido, os brócolos e a curgete, misturar, tapar e deixar cozinhar em lume brando durante 10 minutos. Adicionar cominhos e mistura.

5 – Levar ao lume outro tacho com 6 dl de água, deixar ferver, juntar o vinagre. Parte 2 ovos, 1 de cada vez para uma tigela e deitar num tacho com a água a ferver para deixar escalfar durante 4 minutos. Retirar em seguida com a ajuda de uma escumadeira e deixar escorrer em cima de um pano ou em papel de cozinha.

6 – Servir o estufado com os ovos escalfados.

Fonte e créditos de imagem: Blog Nutrimento.

O nosso desafio para os mais jovens: comer e viver de forma mais saudável

No Dente de Leão temos uma missão, um objetivo: proporcionar aos educadores e crianças ferramentas que ajudem a promover e a incutir hábitos de vida saudáveis, a começar pela alimentação. É do conhecimento geral que uma alimentação cuidada e adequada é a base para uma vida mais saudável, mais duradoura e com qualidade.

625-child-carrots_625x350_51431767973

Nas crianças estes hábitos assumem uma importância redobrada sobretudo porque devem ser incutidos desde tenra idade. O desafio está, por vezes, em ensinar e captar a atenção dos mais novos para este tema e conseguir que eles compreendam, de facto, a importância dos bons hábitos. A teoria não chega, é necessário passar à prática.  É importante que pais e educadores tenham ao seu dispor ferramentas que ajudem na difícil tarefa de ensinar a viver bem, a comer bem e a envolver e cativar os mais jovens para esta temática.

Assim, criamos duas secções no Dente de Leão com o objetivo de aliar a teoria à prática. Na secção NutriConhecimento disponibilizamos informação útil e atualizada sobre alimentação e hábitos de vida saudáveis, contando com o apoio de nutricionistas e outros profissionais da área. Para complementar esta informação criamos o NutriExperiências onde vai encontrar fichas de atividade para desenvolver em conjunto com as crianças, em família ou na escola, na cozinha e na horta.

Este é o primeiro passo de um projeto que ambicionamos tornar muito maior. Em breve estará disponível a revista Dente de Leão em formato digital. Subscreva e receba a primeira edição no seu email. Estamos a trabalhar para trazer mais novidades em breve e contamos consigo desse lado para as partilhar.

Bem vindos ao mundo Dente de Leão! 

Considerada uma das plantas mais delicadas da natureza, o Dente de Leão também recebeu a designação de “O teu pai é careca?”, fruto do imaginário infantil. Quem não conhece o jogo através do qual uma criança, ao soprar as sementes secas do Dente de Leão, lança a pergunta a outra criança se o pai desta é careca ou não? A resposta surgiria de acordo com a quantidade de sementes que voaria com o sopro, deixando uma base semelhante a uma cabeça careca!

dentedeleao

O nome Dente de Leão, com que foi baptizada a planta, parece ter origem na sua própria aparência: folhas muito dentadas e flores amarelas que parecem a juba de um leão!  Mas o Dente de Leão é muito mais do que uma brincadeira de miúdos. O que para muitos não passa de uma “erva daninha”, para outros revela-se uma verdadeira “super planta”, altamente nutritiva (as suas folhas e flores são comestíveis) e com importantes qualidades medicinais (fígado e vesícula).

Em determinada fase da sua vida, quando a flor do Dente de Leão é soprada, ela desfaz-se com facilidade e as suas sementes são levadas pelo vento, espalhando-se, e no momento certo florescem novamente.

Esta foi a nossa inspiração para criação de um projeto de comunicação especializado na promoção da alimentação e estilos de vida saudáveis nomeadamente para as gerações mais jovens.

O nosso foco são, sem dúvida, as nossas crianças e os nossos jovens, para que à semelhança das sementes da planta Dente de Leão, também levem mais longe conhecimentos e experiências e as semeiem, gerando assim um ciclo de vida mais saudável. Não temos a audácia de fazer isto sozinhos, queremos também que os adultos (pais, educadores, professores) se juntem a nós nesta conquista para o bem de todos.

Iremos reunir e facilitar o acesso a informação, recursos, pessoas e marcas associadas em prol da alimentação e estilos de vida saudável.

Pelas nossas crianças e jovens, vamos juntos lançar as sementes de um futuro mais saudável!